Arquivo para 6 de fevereiro de 2010

Cláudio Adão assume o Duquecaxiense

Ex-jogador comandará o time na  sério B do Cariocão/2010

Claudio Adão

Artilheiro pelos vários clubes por onde jogou, Cláudio Adão (foto) é o grande reforço do Duquecaxiense Futebol Clube para a temporada de 2010. Mas ele não poderá fazer gol, ficando, na verdade, à beira do campo. Atualmente na carreira de treinador de futebol, Cláudio Adão vai comandar, nesse ano, o time de Duque de Caxias da camisa azul e amarela.

O acerto entre o ex-jogador e o clube foi feito no início de janeiro e, logo em seguida, começou a mobilização para a contratação de reforços. De acordo com a diretoria, a maioria dos novos jogadores – pelo menos oito – virá do Ferroviário de Pernambuco, time onde Cláudio Adão trabalhou em 2009. O Duquecaxiense, mais antigo clube de Caxias que encontra-se em atividade profissional – os outros são Duque de Caxias e Tigres do Brasil – aguarda uma definição para saber em qual divisão irá disputar o Campeonato Estadual.

Inscrito para a disputa do certame da 3ª Divisão, previsto para começar no início de março, o anil-dourado aguardou, durante o mês de janeiro, uma resposta da Federação de Futebol do Estado do Rio (FFERJ). Havia a possibilidade de o time disputar a 2ª Divisão, que estreia após o carnaval. Mas não houve confirmação e o Duquecaxiense jogará mesmo o Campeonato da Terceirona. O elenco vai se apresentar ao técnico Cláudio Adão nesse mês de fevereiro.

Fonte: Jornal Popular / Texto: Glauco Rangel / Foto: site jornal O Globo

Continue lendo ‘Cláudio Adão assume o Duquecaxiense’

Anúncios

É proibido fazer xixi

SuperVia ignora lei estadual e ainda não possui banheiro na maioria das estações

ja ausência de banheiros passageiros da SuperVia são tratados como cachorros

Diariamente, milhares de passageiros vivem uma situação complicada na Baixada Fluminense. Sem banheiro nas estações ferroviárias, homens, mulheres, crianças e idosos são obrigados a “dar seu jeito” para conseguir fazer suas necessidades fisiológicas.

 Depois de embarcarem em qualquer estação da Baixada, os passageiros têm que rezar para não sentir nenhum aperto além dos que já são obrigados a enfrentar quando o trem está superlotado. Se o destino for a Central do Brasil e algum usuário tiver vontade de urinar, por exemplo, ele terá que se segurar até lá ou torcer para a vontade passar. Ainda assim, terá que desembolsar quase um real: 

“Aqui na Central, o banheiro custa R$ 0,75. Acho caro.” – comenta a operadora de telemarketing Caroline Vicente, que todos os dias sai de Japeri para trabalhar no Centro do Rio. “Às vezes, quando volto à noite, fico uma hora e meia em Saracuruna esperando o trem para Raiz da Serra. Dá vontade de ir ao banheiro, mas aqui não tem nada disso, nem bebedouro.” – reclama a diarista Ana Lúcia Rocha Vieira, que mora em Parada Angélica, Duque de Caxias, e também trabalha no Rio. 

Fonte: Jornal Popular / Texto: Glauco Rangel / Foto: Alberto Ellobo

  Continue lendo ‘É proibido fazer xixi’

Pista reversível da Dutra não adiantou

Apenas vans, ônibus e kombis de passageiros não podem usar

O primeiro dia da pista reversível na Rodovia Presidente Dutra continuou com trânsito problemático para motoristas e passageiros que saíram da Baixada, ontem de manhã, em direção ao Rio. A falta de divulgação da novidade e a presença de poucos agentes da Polícia Rodoviária Federal no trecho de 2,3 km, entre Belford Roxo e Agostinho Porto, em São João de Meriti, deixaram muita gente confusa. A mão invertida vai funcionar de segunda a sexta-feira, das 5h às 10h.

Com a mudança, os motoristas que seguem para o Rio passaram a contar com duas pistas (quatro faixas). Já os que vão para São Paulo ficam só com a pista lateral (duas faixas) no horário da inversão.

Sem saber que o acesso era permitido, motoristas de caminhão preferiram não se arriscar no novo trajeto e tumultuaram o trânsito na pista lateral. A proibição para usar o trecho é apenas para ônibus, vans e Kombis de passageiros. Um grande congestionamento de três quilômetros se formou desde o Posto 13, em Nova Iguaçu, até São João de Meriti. O engenheiro Marcelo Rezk, da Nova Dutra, acredita que ainda vai levar de uma a duas semanas para que os motoristas se acostumem e passem a usar o novo trecho.

A Agência Nacional de Transportes Terrestres autorizou ontem o investimento de R$ 110 milhões da concessionária Nova Dutra em obras de melhoria nas rodovias em todo o Estado do Rio este ano. Para a Baixada, serão gastos R$ 40 milhões na expansão das pistas laterais de 5,2 quilômetros no sentido Rio e outros 2,8 quilômetros na pista que segue para São Paulo, entre Nova Iguaçu e Belford Roxo.

Fonte: site O Dia Online / Texto:  Geraldo Perelo

Lupi participa de formatura em Caxias

Andreia Gonçalves recebe diploma das mãos do ministro Carlos Lupi

O vice-prefeito de Duque de Caxias, Jorge Amorelli, e o Ministro do Trabalho e Emprego, Carlos Lupi, participaram nesta sexta-feira, 5 de fevereiro, da formatura de 200 alunos do programa Próximo Passo. A qualificação profissional oferecida pelo governo federal, em parcerias com Estado, Prefeitura e empresários, visa capacitar os beneficiários do Bolsa Família, favorecendo a inserção dos mesmos no mercado de trabalho. O evento aconteceu no Teatro Raul Cortez, com a participação do deputado estadual Wagner Montes, que ministrou a aula inaugural.

“Não há nada mais sagrado para um cidadão do que trabalhar. Com esta qualificação, tudo ficará mais fácil para vocês. O curso técnico é de suma importância, devido à falta de profissionais na área no mercado de trabalho. Sei que nada é fácil, mas com persistência tudo pode mudar. Sou um exemplo disso”, destacou o deputado Wagner Montes, em palestra.

Além dos formandos que já concluíram o curso, existem outras 4 mil vagas em Duque de Caxias, onde serão qualificados os inscritos no Bolsa Família com cursos de eletricista, bombeiro hidráulico, gesseiro, armador, pedreiro, pintor e auxiliar de escritório informatizado.

Jorge Amorelli acrescentou que a criminalidade diminui com incentivo à educação. “Dando acesso à educação, damos a oportunidade da população galgar outros alvos na escala social. Estamos unindo as secretarias em função da inclusão social”, destacou o vice-prefeito.

Fonte: Jornal de Hoje / Foto: Secom PMDC-Everton Barsan

Novo embate entre Belford Roxo e Nova Iguaçu

Motivo continua sendo as obras do PAC no Prata

A segunda polêmica envolvendo os municípios de Nova Iguaçu e Belford Roxo em menos de dois meses finalmente foi resolvida. Na tarde de ontem, o deputado estadual Rodrigo Neves foi ao Bairro da Prata, na divisa entre as duas cidades, anunciar o entendimento entre as duas prefeituras, que divergiam sobre uma obra do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) realizada em Nova Iguaçu e que provoca enchentes no local. O secretário de Meio Ambiente de Nova Iguaçu, Fernando Cid, também esteve no encontro.

Depois de reunião entre representantes das duas cidades, a Comissão de Fiscalização do PAC na Alerj e a secretária estadual de Meio Ambiente, Marilene Ramos, ficou decidido que a obra, antes na Avenida Estrada de Ferro, será desviada para um ponto no bairro Andrade de Araújo, em Belford Roxo, com maior capacidade para receber as águas da chuva. Assim, a prefeitura de Nova Iguaçu se responsabilizará pelas manilhas e o Instituto Estadual do Ambiente (Inea) tocará o projeto, que custará mais R$ 2 milhões aos cofres públicos. “A Alerj está cumprindo seu papel. A minha expectativa é de que antes do fim do primeiro semestre este problema esteja superado”, disse Rodrigo Neves.

Fonte: site Jornal de Hoje / Texto: Felipe Schmidt / Foto: Marcos Aurélio Oliveira

Continue lendo ‘Novo embate entre Belford Roxo e Nova Iguaçu’

Detro está de olho nas empresas que burlam o Bilhete Único

“Usuários devem denunciar fraudes”, diz Júlio Lopes

Desde segunda-feira (1), o Departamento de Transportes Rodoviários (Detro) já aplicou 42 multas a seis empresas de ônibus que, segundo o órgão, estariam tentando burlar o uso do bilhete único.

 De acordo com o secretário estadual de Transportes, Júlio Lopes, algumas empresas estão mudando os horários dos veículos e trocando os ônibus convencionais pelos “frescões”, que não estão incluídos no programa do bilhete único e não transportam as gratuidades previstas em lei: estudantes, idosos e deficientes físicos.

Segundo o secretário, depois de um longo tempo de espera por um ônibus normal, o usuário acaba recorrendo ao que não aceita bilhete único, pagando o valor integral da passagem.

Só nesta sexta-feira (5) o Detro aplicou 11 multas a seis empresas de ônibus que, segundo o departamento, estavam com horários de saídas irregulares. Na quarta-feira (3), cinco empresas de ônibus intermunicipais já tinham sido multadas por tentarem driblar o uso do bilhete único.

Fonte: site G1

Continue lendo ‘Detro está de olho nas empresas que burlam o Bilhete Único’


POSTAGENS POR DIA

fevereiro 2010
D S T Q Q S S
« jan   abr »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28  

POR MÊS –

COLUNISTAS

Comentando o cotídiano político

Clique para assinar este blog e receber notificações de novos artigos por email.

Junte-se a 6 outros seguidores